quarta-feira, 19 de julho de 2017

Polícia Civil prende suspeito de assassinar conselheiro tutelar que estava desaparecido no interior do RN

O corpo foi encontrado em uma cova rasa de um sítio

A Polícia Civil da cidade de Alexandria prendeu, na tarde desta segunda-feira (17), Gustavo Gabriel da Silva Oliveira, 21 anos, pelo crime de homicídio praticado contra o conselheiro tutelar Rafael Gonçalves de Abrantes, 28 anos, que estava desaparecido há 23 dias.
O corpo da vítima foi encontrado em uma cova rasa dentro de um sítio na zona rural do município. Investigações apontaram Gustavo como principal suspeito, tendo ele negado o crime, alegando que não falava com a vítima há mais de 40 dias. No entanto, câmeras de segurança da cidade mostram momentos do dia 24 de junho, quando Gustavo ficou perturbado enquanto recebia uma ligação, a qual, segundo testemunhas, era de Rafael.
A localização do corpo da vítima foi fornecida por Gustavo que confessou o homicídio após ter sido preso em cumprimento a um mandado de prisão provisória como suspeito pelo crime. A motivação do crime teria sido passional. Segundo o preso, ele tinha um relacionamento com Rafael e estava namorando uma mulher, e após a vítima tomar conhecimento deste fato o teria pressionado para escolher entre ele ou a mulher, ameaçando expor o relacionamento. Devido as ameaças, e com medo da exposição, Gustavo teria assassinado Rafael Gonçalves.
Segundo o delegado municipal de Alexandria, Aroldo Sales, embora o suspeito tenha assumido a autoria sozinho, as investigações prosseguirão com o objetivo de descobrir uma possível co-autoria ou participação no crime. O jovem preso será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória de Patú, onde ficará a disposição da justiça.
http://www.blogdomontoril.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários serão avaliados antes de serem liberados