quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Guamaré ; Uma lágrima,um voto.

                        
Como é incrível a capacidade do homem, principalmente de alguns políticos que se autodenominam de excelentes gestores públicos, buscando através da mídia chapa branca o milagre da transformação das lágrimas de um ser humano carente de recursos, em autopromoção de sua gestão. E, fazendo um ilação com a entrega destas casas populares,(verdadeiros biombos),pela prefeitura de Guamaré, e por sinal, mal construídas, sem nenhum planejamento, e ainda por cima, sem levar em conta o principio da sustentabilidade, chega a ser vergonhoso
essa exposição desnecessária destes cidadãos em seus momentos de pura emoção, cujo único fim é passar a imagem de que o prefeito é um ótimo gestor, o que não é.. Além do mais, quantas vezes o nome de Deus não é usado em vão no meio político, como um ato de fé e de esperança, entretanto, sequer a grande maioria seguem alguns dos ensinamentos de nosso pai celestial, que prega ajuda ao próximo sem querer nada em troca; Isto sem falar que, o dinheiro utilizado na execução destas obras é público, fruto do suor de todos nos brasileiros, portanto, cabe ao prefeito utiliza-lo de modo responsável na busca de atender as necessidades de seu município.
        Excelentíssimo prefeito Hélio, se queres ver o povo se derramando em lágrimas de alegrias e reverenciando á sua gestão, trabalhe para colocar a bela cidade de Guamaré entre as 10 melhores cidades no Brasil em termos de educação, qualidade de vida, construa um matadouro público, construa uma UTI no Hospital, organize o trânsito da cidade e execute um trabalho de conscientização no trânsito, afim de diminuir as mortes, execute um projeto de agricultura familiar e execute projetos que gerem empregos e renda, sem que a prefeitura seja a vaquinha leiteira; Caso consigas, terás o louro da vitória e serás merecedor de aplausos. Todavia, os erros na sua administração vem ocorrendo há muito tempo, e basta fazer uma comparação dos recursos públicos existentes com a realidade atual, a conclusão que podemos chegar é de que, vossa excelência nunca administrou esta cidade voltada para o futuro sustentável ,mas sim olhando apenas para sua sobrevivência política.
        Quando um político ainda utiliza das antiquadas formas de fazer política através do clientelismo fisiológico, demonstra a sua real incapacidade de exercer a sua função, haja vista, que os problemas estruturais existentes no município é fruto em grande parte das sua más gestões de seus representantes públicos, que em muitos casos, são endossados pela população ,devido a falta de consciência política e social, causada em grande parte pela falta de acesso á uma educação de qualidade.
        Os tempos estão passando, os problemas nesta cidade estão agravando-se, as soluções são as mesmas de outrora, o de os paliativos imperam, e o progresso desta cidade encontra-se anestesiada esperando que apareça um bom gestor público que não tenha medo de ousar, caso contrário, ano após ano, estaremos lendo as mesmas notícias de 18 anos atrás, falta de água, operação tapa buracos, e por aí, vai.

        Não é uma utopia pregar a moralidade em uma gestão pública, e tão pouco querer que os políticos deixem de ser demagógicos, mas apenas que trabalhem em prol da sociedade, pois foi para isto que foram eleitos.

Um comentário:

  1. Concordo em partes! Pq quando invadiram as casas que foram retirados, esses mesmos meios de comunicação pra promoverem mídia, lamentaram e expuseram essas pessoas chorando e se lamentando pq estavam sendo desalojadas das mesmas casas que hj se diz que não prestam! Mas naquele momento que foi puro movimento político era a esperança e o sonho desse povo! Sem hipocrisia!

    ResponderExcluir

Os comentários serão avaliados antes de serem liberados