quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Popular é morto a tiros na madrugada de hoje(13) após ter casa invadida na Alameda dos Cajueiros em Mossoró


O Ex-presidiário Luan Eduardo Fernandes Galdino "Luan do Papoco" de 23 anos de idade, foi morto a tiros dentro de casa na Rua Teófilo Saraiva, na Alameda dos Cajueiros, por volta de 2 horas da madrugada de hoje, 13 de dezembro.
Segundo informações da polícia, “Luan do Papoco” fazia parte de uma facção criminosa e não descarta a possibilidade dele ter sido morto por integrantes da facção rival. Ele estava em liberdade provisória acusado de envolvimento num crime de homicídio no ano de 2014, mesmo ano que teria sido vítima de tentativa de homicídio ao lado de um posto de combustível, na região onde foi morto.
Na madrugada de hoje, criminosos pularam o muro, quebraram a porta da frente da casa onde Luan dormia com a família e segundo informações da polícia, chegaram a bater numa irmã dele para dizer onde o mesmo estava.
A porta do quarto onde Luan estava foi quebrada a tiros e ele foi executado com cerca de 11 tiros de pistolas. Segundo o perito criminal Eduardo Alexandre, no local foi possível identificar cerca de 20 perfurações de entrada e saída, provocadas pelos disparos,(Ocamera/Fimdalinha).
1df544f1-6c04-430d-9f0f-01b2b58b67ee                                           870e994a-d657-4735-a47f-7e8962c28522

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários serão avaliados antes de serem liberados