segunda-feira, 20 de março de 2017

Estuprador e assaltante fogem usando teresa da Penitenciária Mário Negócio

O Centro Penal Doutor Mário Negócio registrou mais uma fuga de presos do regime fechado, que tem mais de 370 presos recolhidos. A escapada dos dois presos aconteceu do mesmo jeito de semana passada, quando dois detentos escalaram os muros usando uma “teresa”. Os fugitivos são: Bruno Henrique de Lima Alves, condenado por estupro Bruno da Silva, condenado por assalto e tráfico Os dois presos teriam se aproveitado da movimentação no horário de visita, neste domingo, 19, para jogar a corda feita de lençóis por cima do muro e fugir. Este tipo de fuga é possível porque as guaritas desta unidade prisional não são habitadas por agentes penitenciários ou policiais militares a serviço do sistema prisional. Como existe poucos agentes, estes ficam atentos em quem entra e sai nos dias de visitas, tornando­-se propício para os presos pularem os muros sem serem vistos. A Penitenciária, além dos mais de 370 presos no regime fechado, tem pouco mais de 100 presos no Semi­aberto e quase 300 no regime aberto. Neste caso, os agentes penitenciários não têm condições nenhuma de controlar o acesso destes detentos ao presídio, pois no local que ficam não tem muros e guaritas.(Mossorohoje).


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários serão avaliados antes de serem liberados