sexta-feira, 10 de março de 2017

Idoso atira em homem após ser xingado de CORNO e VIADO

A Polícia Militar foi acionada na tarde desta quinta feira, 09, por moradores do Distrito de Laginhas, zona rural de Caicó, que presenciaram um crime de tentativa de homicídio. Um agricultor atirou em outro depois de ser xingado de "corno viado".

O senhor Jerônimo Josué de Araújo, de 59 anos, foi detido e apresentado à autoridade competente na 3ª DRP, em Caicó. Ele deve ser flagranteado no crime de tentativa de homicídio, contudo, o delegado analisa se o enquadra em lesão corporal.
A vítima, que atende pelo apelido de "Mocó" foi socorrida para o Hospital Regional do Seridó, onde passa por exames. Informações de que o tiro com uma Espingarda Calibre. 36 pegou nas nádegas da vítima. A arma também foi apreendida.
"Na família Batista não tem corno e nem viado, e se chamar de novo, dessa vez eu atiro pra matar". À polícia, o senhor Jerônimo disse que atirou para cima, não querendo, de forma nenhuma, acertar o Mocó. "Foi azar
esse tiro ter pegado", disse.
Com uma propriedade no Sítio Inácio e residência em Laginhas, Jerônimo disse que bebeu muito nessa tarde, e que o motivo da chacota é que sua mulher foi embora, o abandonou, mas ser chamado de corno ele não aceita, e pior se for viado", acrescenta.

Ainda em tom descontraído, o agricultor disse que por isso que tem bandidos, porque foi muito bem tratado pela polícia [rsrs], sorrindo, disse que era brincadeira. "Isso tudo é brincadeira, meninos, só estou preocupado com minha aposentadoria, parece que Temer não vai deixar eu me aposentar", disse.(JairSampaio).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários serão avaliados antes de serem liberados