terça-feira, 2 de maio de 2017

Jovem cantor e vigilante Higor Raniere comove a cidade de João Câmara e repercute nas redes sociais

O feriado do Dia do Trabalhador termina de forma trágica para um jovem talento que perdeu a vida quando chegava ao local de trabalho, tendo sido alveja a tiros numa tentativa de assalto. Cantor da Banda Calcinha de Menina, trabalhava como vigilante para complementar a renda da família.
Uma pessoa do bem, muito querida no meio artístico da cidade, região e Estado. Na sua última apresentação como cantor, neste domingo, 30 de abril na AABB de João Câmara, segundo informações teria feito uma homenagem ao cantor Belchior falecido no Rio Grande do Sul. “Estão morrendo os grandes cantores do país, primeiro foi Jerry Adriani, ontem foi Belchior” teria comentado Higor durante sua apresentação.
A cidade toda está comovida, principalmente a juventude que admirava o seu talento e seu carisma. Nas redes sociais as pessoas lamentam o ocorrido e clamam por segurança. Na sua página no face são muitas manifestações de revolta pela perda do jovem amigo.

O crime ocorreu por volta das 18:30hs, a vítima, Higor Raniere Rafael dos Santos, de 34 anos, o mesmo trabalhava de vigia na creche CMEI no bairro do CEAC em João Câmara, informações que Higor foi atingido por 06 tiros de arma de fogo. 
São seus pais, Ibanês que trabalha no DER e a professora Romeika Rafael da escola estadual José da Penha. Higor deixa sua esposa e 02 filhos.

A polícia esteve no local para os procedimentos de praxe, uma equipe do ITEP foi acionada para remoção do corpo a sede do órgão em Natal.
http://www.focoelho.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários serão avaliados antes de serem liberados