quinta-feira, 4 de maio de 2017

NOVO TESTE REVELA O NOME DAS MARCAS QUE ESTÃO FALSIFICANDO AZEITE DE OLIVA!

A associação de consumidores Proteste fez uma nova avaliação dos azeites comercializados no Brasil.
O teste foi feito por laboratórios credenciados pelo Ministério da Agricultura e se baseou em normas internacionais de interesses do consumidor.
O resultado desse novo teste foi divulgado no fim de
março de 2017.
E mais uma vez constatou-se a prática de fraude por algumas marcas.
Segundo o teste, seis marcas estão enganando o consumidor, c cinco delas não estão vendendo sequer azeite de oliva puro.
A pesquisa revelou que essas cinco marcas têm óleos de sementes oleaginosas nos seus produtos.
As marcas são: Tradição, Figueira da Foz, Torre de Quintela, Pramesa e Lisboa.
A marca Beirão também foi reprovada, mas por outro motivo: o produto é vendido como extravirgem, porém o teste provou que era apenas “virgem”
O teste da associação foi feito por laboratórios credenciados pelo Ministério da Agricultura.
E se baseou em normas internacionais de interesses do consumidor, avaliando os seguintes fatores: rotulagem, acidez, conservação, qualidade (avaliando a presença de umidade, impurezas, metais), fraudes (/assuntos/fraudes) e análise sensorial.
O azeite da marca O-Live foi escolhido o melhor de todos.
A Qualitá/Carrefour, Ciscount e Filippo Berio também foram apontadas como boas opções de compra.
O interessante é que essas três marcas tinham sido reprovadas no teste anterior realizado pela Proteste.
Veja a seguir o resultado completo da avaliação da Proteste:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários serão avaliados antes de serem liberados