domingo, 16 de julho de 2017

Turismo ‘Garantia Sol’ vai indenizar turista de Fortaleza que pegar dia de chuva, diz secretário

Praias ensolaradas são um dos principais atrativos para turistas que buscam Fortaleza, diz secretário (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)
Fortaleza terá o “Garantia Sol”, uma forma de indenizar o turista que visitar a capital cearense em dias chuvosos. O seguro vai compensar os visitantes que enfrentarem pelo menos dois dias de chuva, entre 11h e
16h, durante sua estada na capital cearense.
Caso o turista pegue dias chuvosos, ele será ressarcido com um novo pacote de viagem, com sete ou oito dias de estada, pagando apenas a taxa de embarque. A nova viagem deve ser marcada para 24 meses após o pacote “frustrado” com a falta de sol.
O seguro é válido para viagens entre 1º de agosto e 20 de dezembro deste ano, mas a Secretaria de Turismo de Fortaleza já estuda uma edição 2018 do Garantia Sol, de acordo com o secretário executivo do Turismo, Erick Vasconcelos.
Vasconcelos explica que a Prefeitura de Fortaleza e o Governo do Estado vão apoiar o seguro por meio de propaganda, mas o projeto é de iniciativa popular.
“Caso o turista receba o seguro, a ABIH [Associação Brasileira da Indústria de Hotéis Ceará] vai arcar com a hospedagem, e a CVC fica com os custos da viagem. A prefeitura apoia com a publicidade porque é uma promoção que vai incrementar o turismo em Fortaleza.”
Ainda conforme o secretário, a maior parte dos turistas que visitam Fortaleza procura as praias em dias ensolarados.
“Nós temos investido muito no turismo corporativo, mas esse turista se encanta com o sol e com as praias e em seguida retorna com a família em um passeio de lazer. O turista, quando vem a passeio, gasta três vezes mais, por isso a importância de divulgar o sol, que é um cartão de visita”, afirma Erick.
Em julho, período de alta estação, a Prefeitura de Fortaleza espera injetar na economia R$ 1,6 bilhão na cadeia produtiva do turismo.
G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários serão avaliados antes de serem liberados