quarta-feira, 14 de março de 2018

Processo contra Ricardo Motta trava no STF

O processo da Operação Candeeiro, no qual o deputado estadual Ricardo Motta (PSB) é acusado de participar do desvio de R$ 36 milhões do Idema, está parado no Supremo Tribunal Federal (STF) há sete meses. A denúncia do Ministério Público está nas mãos do ministro Luiz Fux, que ainda não julgou o caso.


Por Robson Pires, em

a

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários serão avaliados antes de serem liberados